All for Joomla All for Webmasters

Metrô News

A audição de encerramento das atividades do segundo semestre do ano do Projeto Guri será realizada no dia 30 deste mês. Todo fim de semestre os polos se organizam para mostrar às famílias e comunidades, o resultado do trabalho realizado em sala de aula. Além de mostrar um pouco o que é desenvolvido com os alunos o evento também é uma oportunidade de levar cultura para os presentes. E nesse semestre o Polo São Joaquim da Barra vem trazer diversas músicas contextualizadas no tema “Músicos brasileiros negros e/ou afro-descendentes”, em virtude também ao respeito ao Dia da Consciência Negra. Participarão do encerramento, alunos dos cursos de Violão, Percussão, Cavaco e Canto Coral Juvenil. A Audição será realizada no dia 30 de Novembro, às 19h00, no Auditório Artur Parada, e você é nosso convidado especial. Lembrando também que, de 04 a 15 de Dezembro, as matrículas do Projeto Guri estarão abertas, para os cursos de Violão, Percussão, Cavaco e Canto Coral Infantil e Juvenil.

A audição de encerramento das atividades do segundo semestre do ano do Projeto Guri será realizada no dia 30 deste mês. Todo fim de semestre os polos se organizam para mostrar às famílias e comunidades, o resultado do trabalho realizado em sala de aula. Além de mostrar um pouco o que é desenvolvido com os alunos o evento também é uma oportunidade de levar cultura para os presentes. E nesse semestre o Polo São Joaquim da Barra vem trazer diversas músicas contextualizadas no tema “Músicos brasileiros negros e/ou afro-descendentes”, em virtude também ao respeito ao Dia da Consciência Negra. Participarão do encerramento, alunos dos cursos de Violão, Percussão, Cavaco e Canto Coral Juvenil. A Audição será realizada no dia 30 de Novembro, às 19h00, no Auditório Artur Parada, e você é nosso convidado especial. Lembrando também que, de 04 a 15 de Dezembro, as matrículas do Projeto Guri estarão abertas, para os cursos de Violão, Percussão, Cavaco e Canto Coral Infantil e Juvenil.

A equipe feminina de Judô de São Joaquim da Barra sagrou-se vice-campeã dos jogos abertos do interior que acontece no Grande ABC em São Paulo. Participaram da competição sete atletas do município nesta fase final. A equipe joaquinense venceu as equipes de Santo André por 3x2 e Mauá por 3x0 e perdeu para São José dos Campos por 3x0. Este campeonato é considerado o mais forte da América latina e esse resultado alcançado é inédito para São Joaquim da Barra. O Projeto de Judô da Prefeitura é realizado através da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, com patrocínio da Usina Alta Mogiana.

 

 

Bastou Fátima Bernardes aparecer com o novo namorado nesta quinta-feira (2) para aguçar a curiosidade dos internautas, ávidos por mais detalhes sobre o assunto. Até o momento, sabe-se que o bonitão Túlio Gadelha é pernambucano, tem 29 anos (26 a menos que a apresentadora), já foi candidato a deputado e, para surpresa de alguns, é crítico ferrenho da Globo nas redes sociais.

No ano passado, Túlio fez declarações criticando a emissora, principalmente no âmbito político. "Globo golpista, quando é pra afastar, foi um domingo inteiro destinado para ouvir trocentos deputados falarem asneiras e concluir com um 'sim'. Quando é para ouvir a defesa da acusada, fica transmitindo novela. Fala sério", desabafou o rapaz sobre a cobertura do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

Em 2013, Túlio cita até William Bonner, o ex de Fátima em sua reprovação: "Só pode ser piada: No Jornal Nacional da Globo, William Bonner acaba de dizer: 'No Recife 500 pessoas protestam por melhorias no serviço público'. É danado mesmo! Quinhentos foi o número de PMs que acompanharam o movimento. Nas ruas, hoje, fomos MILHARES!'.

O Ministério Público do Estado de São Paulo está notificando seis cidades da região, entre elas Morro Agudo, que haviam contratado entre 2013 e 2016 a empresa do hexacampeão brasileiro Branco Zanol para ministrar aulas de judô. O MP investiga a denúncia de superfaturamento e se houve irregularidades na contratação. No mandato anterior (2013-2016) as prefeituras de Morro Agudo, Orlândia, São Joaquim da Barra, Guaíra, Nuporanga, Bebedouro e Ituverava tinham contrato com a empresa E. Zanol Esportes ME, mas de acordo com o inquérito aberto pelo Ministério Público foi contratada sem licitação.

De acordo com o documento, alguns ex-prefeitos afirmaram que a dispensa de licitações ocorreu por se tratar de um campeão olímpico. Na denúncia consta ainda um questionamento a respeito dos profissionais que ministravam as aulas; já que embora o projeto levasse o nome do atleta não era ele o professor de judô das cidades, e sim outros profissionais. O valor pago a empresa variava de R$ 5 a R$ 15 mil dependendo da cidade, o que, segundo a denúncia, seria indício de superfaturamento do preço da contratação de serviços.